terça-feira, setembro 28, 2010

Couples Retreat (2009)

Um resort paradisíaco, uma ilha tropical e quatro casais amigos, cada um deles com os seus problemas, hábitos e costumes. O objectivo inicial é salvar o casamento de um deles, num conceituado programa terapêutico de casais, mas rapidamente a viagem de sonho de alguns torna-se numa prova a todos os relacionamentos, quando os restantes pares percebem que a terapia não é opcional naquela ilha.

Com um elenco consistente, com nomes consagrados na comédia como Vince Vaughn, Jon Favreau ou Jason Bateman e caras bonitas da nova vaga de actrizes de Hollywood como Kristen Bell e Malin Akerman, “Terapia para Casais” é uma comédia romântica agradável, mas cujo promitente potencial acaba por ser gasto perdulariamente através de piadas adolescentes e sexuais banais, pouca criatividade narrativa e um final tão previsível quanto insonso. Cliché atrás de cliché, resta-nos apreciar paisagens fenomenais, interpretações seguras e uma estreia na realização competente do “actor” Peter Billingsley. Para reter, entre uma ou outra gargalhada, a nobre mensagem de que não devemos tomar nada na vida como garantido, muito menos algo tão indefinível como o amor. Para esquecer, o facto de um actor portentoso como Jean Reno não arranjar recentemente nada em Hollywood melhor do que “Marcel”.

4 comentários:

aPAULOf disse...

Ok lá venho eu dizer que adorei este filme e tal...

Sim e revejo-me em muita coisa do que esses casais sofrem e passam.

A maior tirada foi a personagem do Jon Favreau:
"Uau! Isto parece um wallpaper!" Ri-me fortemente apartir daqui!

Dewonny disse...

Achei divertido, tem lá uns momentos engraçados, o elenco tá muito legal, filme q serve como passatempo!

Nuno Pedro Fernandes disse...

Não sei onde foi que já escrevi que achei este filme um dos piores que vi até hoje. O desperdício de talentos é tão gritante que realmente estive mesmo para deixar este filme a meio. Mau demais mesmo.

Knox, desculpa mas isto hoje parece que só consigo dizer mal das coisas.

Abraço

Miguel Reis (Knoxville) disse...

Nuno, assim é que tem piada :P Deste podes falar mal à vontade, não concordo nem discordo, o filme deixou-me completamente indiferente ;)

Dewonny e Paulo, um abraço ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...