terça-feira, outubro 19, 2010

Shoot Me (2010)

Batom, sexo, fotografias e um quarto escuro”, anuncia orgulhosamente a sinopse da curta-metragem do jovem cineasta André Badalo, vencedora do Prémio do Público no Festival de Cinema Independente de Milão. Com uns míseros dois mil euros de orçamento e apenas cinco dias de rodagem, “Shoot Me” apresenta-nos uma narrativa conceptualmente interessante, com dilemas morais e amorosos, mas cuja concretização em quinze minutos de cinema é absolutamente desastrosa, reduzindo-se a pormenores estilísticos vagos, inconsequentes e pretensiosos – o moderno que leva ao pecado vs o antigo como retrato do moralmente correcto – e a já habitual cena de sexo à portuguesa – ou, por outras palavras, demasiado extensa e banal para fazer qualquer sentido. O silêncio angustiante vivido no final da exibição que antecede o admirável “The Town”, de Ben Affleck, numa sala de cinema apinhada até à primeira fila, diz o resto.

5 comentários:

Eduardo Castro Fonseca disse...

Vou estar com o realizador para a semana, vou fazer questão de lhe transmitir a mensagem. lol

Anónimo disse...

E li hoje um artigo num jornal a congratular esta produção nacional por ser a segunda mais vista em 2010, a seguir a Contraluz. Ressalve-se que é um feito falseado já que se não tivesse obtido este bom acordo de distribuição teria, muito provavelmente, passado em branco ao público português.

Miguel Reis (Knoxville) disse...

Eduardo, be my guest ;) Um abraço.

Anónimo, isso é uma palhaçada. Só faltava o artigo dizer que as pessoas iam ao cinema para ver o "Shoot Me" e acabavam por ter que apanhar com o "The Town". Passado em branco? Basta perguntar quantos de nós vimos o "Arena", que ganhou em Cannes e comparar com quantos viram este "Shoot Me". Sobre o "Shoot Me", nos jornais, li apenas a opinião do Público: "anedótico" era um dos termos usados.

Cumprimentos.

DiogoF. disse...

Não esperava algo tão mau antes de ler as críticas (li a tua e uma no Ipsilon), mas estava céptico com o trailer, apesar de ter felicitado muito a vitória em Milão.

Quero ver, de qualquer forma.

Miguel Reis (Knoxville) disse...

Claro, fazes bem em ver. Depois diz-me o que achaste ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...