segunda-feira, janeiro 02, 2012

Contagion (2011)

Depois de uma viagem de negócios a Hong Kong - com uma escala misteriosa em Chicago pelo caminho -, Beth Emhoff (Gwyneth Paltrow) morre súbita e estranhamente de uma doença desconhecida, em tudo semelhante a uma gripe como tantas outras. Poucos dias depois, a sua família, os Estados Unidos da América e o mundo são abalados por um contágio brutal e mortal desta estirpe, que espalhará o pânico um pouco por todo o lado. Numa pandemia sem precedentes, torna-se imperativo não só encontrar a cura e a solução para este massacre, mas também travar o medo que desperta os instintos mais cruéis e rudimentares que o ser humano possui.

Realizado pelo conceituado Steven Soderbergh, "Contágio" é o filme decepção do ano. Decepção porque a sua premissa e, porque não, o seu trailer prometiam uma obra inteligente, complexa e multifacetada sobre as consequências de uma epidemia mortal a nível mundial num contexto actual, sendo o resultado final uma fita pretensiosa, repetitiva e lenta que, em vez de cativar o espectador, acaba por o cansar. Decepção porque aquele que terá sido para muitos o elenco do ano (Fishburne, Cotillard, Damon, Law, Paltrow e Winslet) dimana-se ao longo da narrativa numa simples conclusão: não houve desperdício de talento igual nos últimos anos em Hollywood. Deixando quase tudo em aberto - o que poderia ter sido óptimo se o espectador não tivesse vacinado para a frivolidade pusilânime de Soderbergh -, a triste verdade é que a narrativa oscila durante mais de cem dias mas, chegando ao fim, parece que o filme nunca começou. Resta "Bad", dos U2, a assentar que nem uma luva e uma moral para a história tão insignificante como "Contagion": lavem sempre as mãos.

5 comentários:

Anónimo disse...

Não sejas ridículo Knoxville.

2001: a Space odissey - 2/10
Mulholland Dr. - 3/10
Cold Mountain - 3/10

e agora isto..

brain-mixer disse...

Não quero dizer que o filme foi bom, é repetitivo, é verdade. Mas uma estrela? :P
E eu esperava por um apocalipse e não da vacina, no meio do filme. Isso sim a verdcadeira desilusão...
(Ah e eu também acho o Cold Mountain filme merecedor de 3/10)
Cada um com a sua opinião ;)

Miguel Reis (Knoxville) disse...

Edgar, podia ter sido pior. Também tenho aqui o ícone para as zero estrelas :) Abraço!

O Narrador Subjectivo disse...

Soderbergh é um realizador inconsistente. Não vi o Contagion, mas a classificação não me espanta muito, apesar do elenco de luxo.

Miguel Reis (Knoxville) disse...

Mas dá uma olha Narrador. E depois diz-nos o que achaste! Abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...